Livros Espíritas Essenciais para o Conhecimento da Doutrina

Numa época em que se aprofundam pesquisas e trabalhos divulgando a importância do autoconhecimento e da autoajuda em busca da realização pessoal, o lado espiritual não pode ficar à margem. Aliás, a ciência do espírito hoje já é abordada até pela Física Quântica cujas pesquisas se aproximam cada vez mais das verdades relacionadas à essência energética que rege e compõe o universo. Daí termos selecionado 10 grandes obras da literatura espírita para aqueles que estão iniciando nesta interessante área do conhecimento humano:

1. O Livro dos Espíritos - "Primeiro livro sobre a doutrina espírita publicado pelo educador francês Hippolyte Léon Denizard Rivail, em 18 de abril de 1857, sob o pseudônimo Allan Kardec. É uma obra básica do espiritismo, e foi lançado por Kardec após seus estudos sobre os fenômenos de origem mediúnica, que estavam difundidos por toda a Europa durante o século XIX" (Wikipedia).

2. O Evangelho Segundo o Espiritismo - "Obra de Allan Kardec, lançada em abril de 1864, que avalia os evangelhos canônicos sob a óptica da Doutrina Espírita, tratando com atenção especial a aplicação dos princípios da moral cristã e de questões de ordem religiosa como a da prece e da caridade. Entre as cinco fundamentais obras do espiritismo compiladas por Allan Kardec, é a que dá maior enfoque a questões éticas e comportamentais do ser humano (Wikipedia).

3. O Problema do Ser, do Destino e da Dor - escrito por Léon Denis, filósofo espírita e um dos principais continuadores do espiritismo após a morte de Allan Kardec, ao lado de Gabriel Delanne e Camille Flammarion. Denis enfoca os problemas da angústia e da dor, o grandioso destino do homem e a maneira de compreender e equacionar os obstáculos e as vicissitudes da vida na Terra. Quem somos? De onde viemos? Para onde vamos? Por que sofremos? Qual o objetivo da nossa existência?
Essas perguntas são enfocadas com clareza e precisão, com base nos princípios da Doutrina Espírita. A obra despertou muita gente para a Doutrina Espírita.

4. Paulo e Estevão – Romance histórico do Espírito Emmanuel, psicografado por Chico Xavier. "O livro traz revelações nunca antes mencionadas, seguindo rigorosamente a ordem cronológica do livro bíblico Atos dos Apóstolos, dando também um sentido mais profundo para as citações pessoais de Paulo em suas Epístolas" (Wikipedia).

5. Voltei - Também escrito por Chico Xavier, ditado pelo espírito Jacob. O autor espiritual retorna do mundo maior para esclarecer sobre assuntos diversos, tais como o desligamento do corpo físico; retorno ao mundo espiritual; encontro com os amigos; dificuldade de intercâmbio mediúnico; reajustamento à nova vida. o Irmão Jacob alerta os leitores quanto à necessidade do auto-aprimoramento, objetivando o feliz retorno ao mundo espiritual.

6. Memórias de um Suicida - "O livro está entre os mais comentados do Espiritismo, com relatos e imagens impressionantes do Vale dos Suicidas, e lições importantes para a humanidade" (Comunidade Espírita). "Foi transmitido mediunicamente à autora Yvonne do Amaral Pereira pelo espírito de Camilo Cândido Botelho, que havia sido em vida um escritor que se suicidou ao ficar cego. É desta forma que se desdobram as descrições e considerações dos sofrimentos que um espírito suicida enfrenta ao se desprender dos laços físicos da matéria e encontra no plano espiritual uma vida e um remorso que jamais esperava ter que lidar. Este livro é uma leitura obrigatória para todas as pessoas que têm interesse em estudar o espiritismo e se aprofundar nas causas e consequências que o suicido pode trazer" (Dica de Livro)

7. Devassando o Invisível - Também escrito por Yvonne do Amaral Pereira, que retransmite parte de sua experiência ao contato de abnegados espíritas orientadores, em dez capítulos de muita substância doutrinária. Charles, Bezerra de Menezes, Léon Dennis, Tolstoi e Chopin comparecem com mensagens.

8. Perda de Entes Queridos - Transmite confiança e conforto àqueles que perderam um ente amigo. A autora, Zilda Giunchetti Rosin, é mãe de dois jovens que morreram em acidente automobilístico.

9. A Caminho da Luz - "Relato espetacular sobre a História da Humanidade, sob o prisma de quem tem uma visão infinitamente superior às nossas limitações. Emmanuel [psicografado por Chico Xavier] sintetiza os grandes acontecimentos que marcaram a evolução dos povos na Terra, frisando o trabalho espiritual que Jesus e seus auxiliares exerceram no amparo do nosso progresso e na missão dos grandes enviados, como: Krishna, Buda, Fo-Hi, Abraão, Moisés, Confúcio, Sócrates, Platão, São Paulo, Maomé, São Francisco de Assis, Allan Kardec e, claro, o próprio Messias.
Indispensável para compreendermos as grandes questões atuais" (Portal Luz Espírita).

10. Nosso Lar - Clássico da literatura espírita brasileira, o livro "é uma autobiografia do espírito que se autodenomina André Luiz. Ele narra sua vida no Plano Espiritual após seu desencarne. Os primeiros momentos desta existência o autor passa no Umbral, uma região sombria de dor e sofrimento, onde ele permanece por oito anos, mergulhado no desespero. Quando, porém, desperta para os apelos da espiritualidade maior, que em nenhum momento o abandona, ele é resgatado e conduzido para uma colônia espiritual destinada ao aprendizado e ao trabalho construtivo. Este recanto iluminado lhe oferece a oportunidade de compreender tudo que viveu até então, e André, aos poucos, entende que as dores por ele vivenciadas nada mais são que resultados de seus atos" (Info Escola). "O romance levanta questões acerca do sentido do trabalho justo e dignificante e da Lei de Causa e Efeito a que todos os espíritos, segundo o espiritismo, estariam submetidos. A novelista Ivani Ribeiro teve o livro Nosso lar entre suas bases para escrever a novela A viagem" (Wikipedia). A psicografia é de Chico Xavier. O livro teve uma versão para o cinema em 2010, que foi grande sucesso de bilheteria.

COMPARTILHE:
VEJA TAMBÉM:
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
COMENTE VIA FACEBOOK
comments powered by Disqus