Revisitando algumas crônicas escritas ao longo de vários e vários e vários anos, encontrei algumas anotações de minha autoria. Agora perc...

Filosofando...

pensador rodin filosofia ambiente de leitura carlos romero

Revisitando algumas crônicas escritas ao longo de vários e vários e vários anos, encontrei algumas anotações de minha autoria. Agora percebo como é bom brincar de filósofo.


“A vida é um eterno strip-tease, uma dança. Aliás, dança rima com mudança. A vida, pois, é a dança da mudança”


“A curiosidade nada mais é do que o apetite do conhecimento. Sem curiosidade, você não aprende. Sem curiosidade, Newton não teria descoberto a lei da gravidade”


“A beleza da vida está na sua transitoriedade e variedade. Todo dia a vida bota um vestido novo”


“A gente amanhece, a gente cresce, a gente amadurece e a gente desaparece. Mas desaparece apenas para aparecer novamente, depois da longa noite que pensávamos que fosse eterna”


“Lembre-se de que toda vez que você pensar numa pessoa, você estabeleceu uma ligação com ela”


“Nem toda religião é saudável, sobretudo aquela que ameaça, que condena, que entristece a alma, que não dá esperança, que fala em inferno eterno, que cultua um deus vingativo e colérico, que não explica por que estamos no mundo, o que somos e para onde vamos”


“Bondade e beleza precisam andar juntas, como boas e inseparáveis irmãs a caminho da verdade”


“A Divindade está dentro do homem, assim como a árvore está dentro da semente!"

“Afinal, Deus pune e premia as criaturas? Resposta de Einstein: Não posso imaginar um Deus que pune e premia as criaturas. Deixemos que as almas frágeis, por medo ou absurdo egoísmo, alimentem esses pensamentos”


“O fanatismo é a pior praga do mundo. É uma espécie de catarata mental. O fanático é um cego. Bem disse Jesus que o pior cego é aquele que não quer ver”


“Retribuir o mal com o mal é a maior estupidez". Daí dizer Huberto Rohden: “O mal que me fazem não me faz mal, o mal que me faz mal é o mal que eu faço"


“Se você é um enfermo solitário, se ninguém o visita, isto prova que sua capacidade é zero. A gente colhe o que planta. Eis a verdadeira lei da vida. Recebemos o que damos”


“A vida, repetimos, é um espelho. O espelho nos devolve a imagem que lhe oferecemos. Sorria para ele, e você recebe sorriso, faça-lhe uma careta, e a careta volta para você"
COMPARTILHE
comente via facebook
COMENTE
  1. fazia tempo que eu não lia coisas tão belas... obrigada. seu cantinho "cibernetico" é muito bacana.

    ResponderExcluir
  2. filosofia sim, e boa. "filosopoesia". parabéns,
    heitor
    ...o blog parado nos deixa frustrado...

    ResponderExcluir
  3. Belíssmas reflexões. Queremos mais.
    Parabéns pelo blog!

    ResponderExcluir
  4. Olá,
    Que belas anotações! Valem ouro.
    Que venha 2009 com muita inspiração para as suas belíssimas crônicas.
    Parabéns!!!

    "Nossa vida é uma grande escolha. O pior é que se não escolhermos o tempo vai impondo, repondo, contrapondo e chega-se a um momento que se está esmagadinho da silva ..."

    Um abraço,
    Maria Olindina*

    ResponderExcluir
  5. Que mensagens edificantes...!
    Gleide Góes - Rio Branco/AC

    ResponderExcluir

leia também