O fenômeno aconteceu em maio de 2010, quando a Cidade da Guatemala foi atingida por chuvas torrenciais causadas pela tempestade tropical A...

Inacreditável Buraco no Centro da Cidade


O fenômeno aconteceu em maio de 2010, quando a Cidade da Guatemala foi atingida por chuvas torrenciais causadas pela tempestade tropical Agatha.


Em questão de segundos, durante a forte enxurrada, uma monstruosa cratera surgiu, engolindo casas e postes de energia elétrica, e pondo em perigo os prédios que restaram na borda do abismo.


Nas imagens aéreas, a cratera parece um tenebrosa porta para as profundezas da Terra, com 65 metros de diâmetro.


De tão monstruosas, as imagens parecem irreais, produzidas eletronicamente ou montadas para um filme catastrófico.


Os geólogos atribuem o acontecimento à corrosão provocada no terreno rochoso, potencializada pelas águas das fortes chuvas.


Este não foi o primeiro episódio do gênero na Guatemala. Em 2007, três pessoas morreram quando um sumidouro foi aberto em outro bairro da cidade, levando à evacuação de mais de 1.000 pessoas.


Sumidouros são comumente encontrados em áreas onde o subsolo é formado por rocha calcária, que, com o tempo, pode ser dissolvida pela água. Quando não há mais nada para apoiar a superfície da terra, as rochas entram em colapso, formando a cratera.


Veja a reportagem do Jornal Nacional:



Veja no Google Maps o local exato onde ocorreu a tragédia:


Exibir mapa ampliado

COMPARTILHE
comente via facebook
COMENTE

leia também