Nós, os passageiros do século passado e os de embarque mais recente no planeta, habitamos a esquina do tempo onde é possível o convívio co...

A todos um feliz 2022

mensagem ano novo 2022 terra lua
Nós, os passageiros do século passado e os de embarque mais recente no planeta, habitamos a esquina do tempo onde é possível o convívio com fábulas antigas e os milagres modernos da ciência e da tecnologia.

Foi assim em fevereiro de 2012, quando um engenho humano despachado até Marte ergueu suas lentes e divisou, ao Sol poente, dois pontinhos insignificantes. Um deles era a Lua.
O outro, não muito maior, a Terra, com todos os seus dramas, tragédias, prantos, risos e conquistas.

Tudo isso na circunferência de um grão de areia, à vista do robozinho Curiosity. Tudo isso, quase imperceptivelmente, no que pese a pequena distância Terra/Marte, um nada cosmológico.

É este o tempo das conquistas espaciais. E, do mesmo modo, também é o tempo de velhas lições. Uma delas nos traz a mensagem urgente e indispensável (pois cada vez mais necessária) do Beija-Flor e sua fábula. Nunca a história de um pingo d'água no bico contra o fogo que devasta a mata se fez tão oportuna.

Pó de estrelas, a exemplo do solo em que pisamos e de tudo o que nos rodeia, precisamos, cada um de nós, fazer a nossa parte por um mundo melhor, menos desigual, mais justo e mais digno.

Tenhamos todos, neste 2022, a disposição, a firmeza e o caráter de um passarinho. No mais, Feliz Ano Novo para todos.

DEIXE O SEU COMENTÁRIO
SUA PARTICIPAÇÃO É IMPORTANTE. COMENTE!
  1. Isto mesmo, caro amigo.
    Os tempos que vivemos, de certa forma, nos levam ao pensamento ufanista expresso pelo Almirante Tamandaré, quando afirmou que "o Brasil espera que cada um cumpra com seu dever."
    É um pensamento que assusta a muitos, hoje, por parecer militarista, mas é, a meu ver, um chamamento que se tornou intemporal dada a situação que estamos vivendo.
    Cumpramos, pois, nossos deveres e contribuamos para a superação destes tempos preocupantes que enfrentamos.
    Abraços, velho amigo.

    ResponderExcluir

leia também