No passado mês de outubro, estivemos em  Montenegro  e pudemos constatar aquilo que já pressentíamos desde o momento em que avistamos algu...

Sugestão de Viagem: Kotor, Montenegro

kotor montenegro


No passado mês de outubro, estivemos em Montenegro e pudemos constatar aquilo que já pressentíamos desde o momento em que avistamos algumas ilustrações numa revista de viagem: o país é realmente sensacional, tranquilo e deslumbrante.

kotor montenegro

kotor montenegro

Escolhemos a cidade de Kotor como base e, durante três dias, percorremos alguns pontos do estonteante litoral montenegrino.

kotor montenegro

Chegamos sabendo muito pouco sobre o país. Em nossa filosofia, a viagem torna-se mais agradável quando não se estuda muito o lugar a ser visitado. Assim sendo, Kotor nos foi surpreendendo a cada passo que dávamos em seus velhos e gloriosos paralelepípedos medievais.

kotor montenegro

Considerada patrimônio histórico da Humanidade, Kotor fica na margem de um grande fiorde que adentra pelo continente dando origem a uma imensa baía em formato de borboleta. Esse pedaço de mar é chamado de Kotor Bay, que também abriga outros lugares pitorescos, como o pequeno município de Perast e as ilhotas de Lady On the Rock e Sveti George.

kotor montenegro

kotor montenegro

A calmaria do mês de outubro só é quebrada pelos inúmeros grupos de turistas que chegam em colossais navios de cruzeiro, ávidos para escalar as muralhas da cidade, que se estendem no paredão de montanhas, de onde se pode ter uma visão magnífica de uma parte do fiorde.

kotor montenegro

Cerca de meia hora de carro de Kotor, fica a impressionante península de Sveti Stefan. Para nossa frustração, a pequena aldeia medieval que deu lugar a um luxuoso resort, é completamente fechada durante a baixa estação.

kotor montenegro

Temperatura amena, com máxima em 22ºC durante o dia e 15º à noite. Não havia quase ninguém nas praias, pois nesta época, as multidões compostas de cidadãos nórdicos, de alemães e de russos, que costumam inundar as areias do Mediterrâneo, já haviam se recolhido para os seus recantos gelados.

kotor montenegro

Portanto, se você pretende conhecer o local sem os tumultos do verão, planeje a viagem para os meses intermediários (primavera / outono). Só a visão de Sveti Stefan vale a pena e é garantia certa de belas fotografias. Sem falar que as duas prainhas que se situam ao lado do istmo são garantia de um espetacular mergulho em águas cristalinas.

kotor montenegro
COMPARTILHE
comente via facebook
COMENTE

leia também